Seja bem vindo ao Fome Cultural...

Lembrando a todas as pessoas que se interessarem por algum evento ou atividade postadas aqui, devem encaminhar email ou fazer contato para os endereços indicados na postagem a que se interessaram. Nós do Fome Cultural, apenas repassamos as informações. Boa Sorte!



2 de jun de 2009

Fome Cultural: Curso Gratuito em Santo André/SP...

Casa da Palavra – Santo André . Palavra cantada: uma visão da oralidade da canção
GRATUITO . Com direito a certificado

Módulo 2: 16 a 26 de junho de 2009 - 19h às 21h . Inscrições: 2 a 19 de junho (Módulo 2)
De 2ª a 6ª feira das 14h às 20h e aos sábados das 10 às 14 horas.
Pelo email:
casadapalavra@ santoandre. sp.gov.br ou telefone o11 4992-7218 Endereço:Praça do Carmo, 171, Centro . Cep 09010-020 Santo André – SP . http://casadapalavr asa.blogspot. com/2008/ 03/breve- perfil-histrico. html

Palavra cantada visa entender a complexidade e especificidade da palavra poética aplicada na canção e suas diferenças com a palavra "falada" em consonância com os objetivos da Casa da Palavra de Santo André de uma formação contínua em literatura e áreas correlatas. Sendo o Brasil um país com uma riqueza de sonoridades tão grande, o curso interessa para todos os tipos de público, desde jovens estudantes secundaristas até a 3a. Idade, sendo particularmente interessante para estudantes universitários e profissionais da área de Literatura, Ciências Humanas, Artes e Música.


O curso conta com dois ministrantes: ANA MARIA DIETRICH, historiadora, jornalista, doutora em História Social , foi docente do curso de extensão Experiências Interdisciplinares com a canção – teoria e prática (julho 2008) realizado na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e foi pesquisadora durante cinco anos do Núcleo de Estudos em História Oral - USP e CICERO BARBOSA, historiador, músico (contrabaixista) , pós- graduando em História, Cultura e Sociedade pela PUC-SP e bacharelando em Letras pela USP. Ambos os profissionais vão valorizar os diálogos entre oralidade, canção e música.


Será discutida a diversidade de estilos musicais da música contemporânea brasileira com ênfase às diferentes formas de narrar que estão em sintonia com o seu momento histórico, refletindo sobre as origens, características e contextos de criação da tropicália, mangue beat, rock e música caipira. Os participantes aprenderão metodologias ligadas ao uso da canção popular urbana no universo da pesquisa acadêmica e de práticas pedagógicas.


Programação
Módulo 2 –A canção no universo da pesquisa e do ensino (10 horas)
Data: 16 a 26 de junho de 2009 - 19h às 21h
Introduzir os participantes a metodologias ligadas ao uso da canção popular urbana no universo da pesquisa acadêmica e de práticas pedagógicas. A reflexão sobre a canção popular urbana brasileira será o ponto de partida para o conhecimento do contexto sociocultural brasileiro do século XX, da obra de Tinhorão e da indústria cultural brasileira. Discutiremos a relação entre oralidade e a canção, buscando oferecer aos participantes ferramentas práticas e reflexões diversas sobre a palavra cantada.


16.6 - AULA 1 – Oralidade na canção popular urbana brasileira: uma introdução (AMD)
17.6 -AULA 2 – Tinhorão e sua análise da música brasileira (CB)
23.6 - AULA 3 – A identidade do malandro no samba brasileiro (AMD)
25.6 - AULA 4 - A música popular brasileira e a indústria cultural – cultura de massa (CB)
26.6 -AULA 5 – A canção urbana na sala de aula: métodos e abordagens (AMD)
Show de encerramento: banda andreense Poucas Trancas

Nenhum comentário:

Postar um comentário